domingo, 25 de março de 2012

Eduardo, próspero guardião!!!

Encontrei o significado na internet. Não sei é o correto, mas sei que sua vontade de viver tem sido incrível!!!


Talvez você não lembre dessa história ou nem tenha participado dela, mas muitos, tenho certeza, sabem do que estou falando. Em 2011, dia 23 de março, nasceu um  lindo bebê, Eduardo. Após pouco tempo, Dudu foi internado com  pneumonia e passou uns 7 dias no hospital. 



Tempos depois veio a campanha da vacinação contra meningite e Jadi, a mãe de Eduardo o levou para ser vacinado. Ah, deixe-me apresentá-los. Esta aí ao lado é a Jadi. Ela tem apenas 20 anos e possui outro filho chamado Isaac, com 7 anos.  

Jadi é casada com Filipe e Eduardo é o primeiro filho do casal. 

Foi aí que tudo desmoronou. Pouco tempo de tomar a vacina, Dudu começou a apresentar um quadro instável. Estava diferente. Nessa época, tinha 4 meses. 

Agora vocês vão lembrar. No dia 2 de agosto  de 2011, eu estava em sala em uma aula de MPE, quando no intervalo da aula, tive a notícia de que Eduardo estava internado com suspeita de meningite. Ele não possuía plano de saúde e precisou esperar durante todo um dia uma vaga em um hospital púbico. Quando, enfim, conseguiram a vaga, ele precisou ser entubado e sofreu ali sua primeira parada cardíaca. 

E é por isso que sei que lembram do fato.Eu tentei voltar à sala e dar continuidade à aula, mas nesse momento Eduardo sofria sua segunda parada cardíaca. Mesmo assim, voltei. Não sabia que ali estavam mais que alunos, mas sim, aqueles que aprenderam direitinho a parte mais linda da oração de S. Francisco: "Ó Mestre, Fazei que eu procure mais consolar, que ser consolado; compreender, que ser compreendido; amar, que ser amado (...)". 

Eu bem que tentei, mas as palavras saíam arrastadas, lentas, como se eu tivesse que pensar em cada uma delas antes de proferí-las. E foi por isso que os alunos desconfiaram de que havia algo errado, afinal, eles sabem que pareço mais uma metralhadora.

Não resisti, cai num choro contei o que estava acontecendo. Muitos, muitos mesmo se comoveram e a partir dali soube de histórias semelhantes e de vitórias. Eles queriam saber sempre como estava o Edu, quais os progressos e quais as sequelas. Edu passou o Natal naquela UTI, ou seja, ele passou a maior parte de sua vidinha em uma sala de UTI. 


Este é hoje o Eduardo no colo do Paulo Jorge, meu enteado. 


Ele fez um ano ontem. Muita coisa há ainda a fazer e mais do que agradecer às suas orações, sua torcida preciso da ajuda de vocês. 


Fizemos um plano para saúde para ele e estamos ajudando com aquilo que podemos, mas ainda falta muito. Ele se alimenta por uma sonda na barriguinha. Não consegue ainda comer sozinho. Sua temperatura é sempre mais alta que a nossa. Ele precisa ficar em um ambiente mais refrigerado. Não está conseguindo fazer "pipi" sozinho, muito pouco e para que seja estimulado, a mãe precisa passar uma sonda para retirar a urina. Os médicos dizem que não há nada na visão, mas ele precisa de estímulo. Fica com seus olhos azuis acinzentados a maior parte do tempo fechados. Ele está muito pesado 11.500 Kg. Para a locomoção, a Jadi conseguiu a doação de uma cadeira de rodas. Só tem um problema, mora em Piabetá e os ônibus não são adaptados. Todo o tratamento precisa ser em Bonsucesso, o Hospital que a socorreu  no Centro do Rio. 


A Amil ainda não está prestando o Home Care o que facilitaria em muito, pois ela não precisaria sair de casa para fazer o tratamento.  


Então não estou fazendo uma campanha financeira, mas sei que muitos de vocês conhecem pessoas voluntárias, cuja razão de viver é o simples fato de ajudar o outro.


A urgência do Dudu está em:


"Tia aí, estão ai as coisas de que preciso com maior urgência:


1. Tratamentos de que ele precisa

1.1. Fisioterapia motora e respiratória;
1.2. Terapeuta ocupacional e fonoaudiologa.


1.3. Por mês são:
3 caixa de hidroclorotiazida com 30 comprimido de 25 mg
3 frascos de fenobarbital 4% de 40 mg
3 frascos de ranitidina 150 mg \ 10 ml
3 frascos de bactrim(sulfametoxazol+trimetoprima)200mg\5ml + 40mg\5ml
300 fraldas xg
2 latas de leite Ninho Fases 1 ano
120 sondas uretral numero 08
2 pacotes de algoodão
2 caixas de luvas
3 tubos de lidocaina gel
20 seringas de 60 ml
50 seringas de 10 ml
50 seringas de 5 ml
50 seringas de 3 ml 
50 seringas de 20 ml".  

Obrigada e repassem aos amigos e, principalmente, o mais importante, continuem orando.  

Beijos e que Deus os abençoe, 

Professora Raquel Tinoco

12 comentários:

Lany disse...

Olá querida

Para onde mandamos as doações?

Qualquer coisa me avise.

Elaine

Professora Raquel Tinoco disse...

Obrigada. Já mando. Bjs

zana disse...

Olá Raquel. Estou enviando e-mails para pessoas das quais conheço que podem ajudar e uma delas trabalha como voluntária na Casa Ronald. Rezamos para que tudo dê certo para o Eduardo. Fique com Deus , abraços

Professora Raquel Tinoco disse...

Lany, o melhor lugar é o Curso Guerra, não acha? A gente concentra tudo lá e eu vou levando de carro. Acho mais fácil. Muito obrigada. Ele internou-se hoje novamente, com uma infecção urinária. Obrigada, mesmo.

Professora Raquel Tinoco disse...

Oba, Zana!!! Que legal!!! Ele foi internado hoje novamente com uma infecção urinária. O que acha de concentrarmos a doações no Guerra? Ele já deixou? Beijos e Obrigada.

Luciana disse...

Professora, podemos entregar no Guerra msm ? E a kem ?

Professora Raquel Tinoco disse...

Oi, Lu. Pode sim. Na Unidade São José, com Queli ou Fernanda. Obrigada.

Luciana disse...

To sempre la de manha estudando na salinha da São José. Eu recebo pagamento do TJ na 3f, no mais tardar no final da semana deixarei uma boa doação ok? Fike trank, Professora, eh uma fase, ele vai sair dessa

Luciana disse...

Desculpe a ignorancia, mas o q seria exatamente "caixas de luvas"? Tem tamanho, alguma caracteristica especial p/eu comprar?

Professora Raquel Tinoco disse...

Oi, Lu. É uma caixa com luvas de latex que são usadas em procedimentos cirúrgicos, curativos. O tamanho é M. rsrs Obrigada.

Professora Raquel Tinoco disse...

Obrigada, não se aperte. Obrigada, mesmo. Eu sei que é uma fase. Bjs

Anônimo disse...

Olá Raquel, ontem juntamente com uma amiga deixamos umas doações para o DUDU no curso Guerra. Estimo melhoras para o pequeno e tenho fé que tudo se resolverá. Bjos e fique com Deus

Tudo começou quando...

meus sobrinhos, e não são poucos, resolveram fazer concurso para o Tribunal de Justiça.

Eu já estava trabalhando como Auxiliar Judiciário, aprovada no concurso de 1993. Pediram-me que desse aulas.

Então nos reuníamos na casa de um deles aos finais de semana e estudávamos. Comecei a elaborar apostilas que eram chamadas por eles de "apostilas da Que-Quel".

Ah, devo dizer que também não foi fácil pra mim.

Sou caçula de uma família com dez filhos.

Meus pais, muito humildes, não podiam fazer mais do que faziam. Todos tivemos que nos virar muito cedo.

Mas eles estavam ali.... movidos de esperança. Me ensinaram que nunca devemos desistir dos nossos sonhos, não importa quantas vezes choremos... não importa se não chegamos em primeiro lugar... não importa se não alcançamos nossos alvos na primeira tentativa... não importam as adversidades... apenas continuem, dizia meu pai. E o via ali, praticando, ele mesmo, tudo o que ensinava.

E segui.

E então, como dizia, comecei a elaborar apostilas que foram ficando famosas... rsrs


No Fórum onde trabalhava, os colegas começaram a pedir que desse aulas. Mudei o local para minha casa e começamos a estudar.

E veio o concurso de 1997. Prova difícil.
Não obtiveram o êxito esperado. Mas não desistimos.

E veio o concurso de 2001. Estava já há algum tempo no TJ e resolvi que precisava mudar de cargo. Precisava passar para Analista. O que fazer? Pedi um mês de licença-prêmio e me tranquei em casa.

Prestem atenção. Tranquei-me!!! O tempo jogava contra mim. Minha licença foi deferida para 1º de julho de 2001 e a prova seria vinte e um dias depois.


Passava os dias lendo Codejrj e Estatuto e gravando a minha própria voz para escutar mais tarde, enquanto fazia outras tarefas.

Estudei o que pude, como pude.


E aí... em 2001 fui aprovada para Analista Judiciário (antigo Técnico Judiciário Juramentado). Gabaritei as questões de Codjerj e Estatuto.

Pouco tempo depois, estava trabalhando, quando um amigo, Vinícius, sabendo que eu havia gabaritado essas matérias, me convidou para dar aulas em Campo Grande-RJ.

Fui, morrendo de medo. Frio na barriga. Mas fui...

Lembra?? Jamais desistir!


Parece que gostaram... Daqui a pouco, ele mesmo , Vinícius, ao ser convidado para dar aulas em um curso da Barra, indicou meu nome para substituí-lo.

E lá fui eu... e assim, foram conhecendo meu trabalho.

Logo, estava sendo convidada para outro curso... e outro... e outro...


E tenho dado aulas desde então. A cada concurso, um novo desafio.

As apostilas da "Que-Quel" foram transformadas em apostilas da Professora Raquel Tinoco.

Amanda, minha sobrinha, está hoje no TJ-PR.

Outros sobrinhos seguiram rumos diferentes, sempre em frente, sempre na direção de seus sonhos. Estão chegando lá.


Meus alunos se tornaram meus amigos e isso me faz seguir.

Meu maior incentivo?? É acompanhar cada resultado e torcer por:

Admares, Alessandras, Alexandres, Alines, Amandas, Andréias, Andrezzas, Anicks, Arianes, Biancas, Bias, Brunos, Calixtos, Carlas, Carlos, Carlinhos, Carolinas, Carolines, Cidas, Christians, Constanças, Cristianes, Daniéis, Danielles, Deises, Denises, Diogos, Drês, Dris, Eneas, Fabíolas, Fábios, Fernandas, Filipes, Flávios, Freds, Giselas, Giseles, Ghislaines, Glórias, Hannas, Henriques, Ianos, Ilanas, Isabéis, Isabelas, Israéis, Ivanas, Ivans, Izadoras, Jackies, Jacques, Janes, Joões, Jeans, Julianas, Kayenes, Kátias, Lenes, Léos, Lúcias, Lucianas, Ludymilas, Luízas, Luzias, Magnos, Marcelas, Marcélis, Marcellas, Marcelles, Márcias, Marcys, Marianas, Marias, Megs, Meles, Mônicas, Patrícias, Pattys, Paulos, Pedros, Pritzes, Rafas, Rafaéis, Raphas, Raquéis, Renatas, Renées, Robertas, Robertos, Rodrigos, Rogérias, Silvanias, Simones, Sérgios, Suelens, Suellens, Tassianas, Tatis, Vanessas, Vicentes, Wilsons....

Deus os abençoe.

não desista!

não desista!

Postagens

Blogs & Sites

 

Proibida a cópia, sem autorização, dos textos, fotos e material de aula aqui apresentados©2009 Professora Raquel Tinoco | by TNB